terça-feira, 19 de agosto de 2014

JOVEM DE 24 ANOS É EXECUTADO COM ONZE TIROS NO BAIRRO FAZENDINHA, EM ITAMARANDIBA

Um jovem de 24 anos foi morto a tiros por volta das 6 horas e 30 minutos da manhã desta terça-feira, 19 de agosto, em sua própria residência localizada na Rua Santana, no Bairro Fazendinha, em Itamarandiba/MG.

De acordo com informações, vizinhos teriam ouvido tiros e momentos depois teriam souberam da morte do rapaz. O jovem morava sozinho na casa e era pai de uma criança. Segundo a Polícia Militar, ele tinha passagens por tráfico de drogas e outros crimes.
 
Crime aconteceu na Rua Santana, no Bairro Fazendinha. Foto: Itamarandiba Hoje

O autor e a motivação do crime ainda são desconhecidos pela Polícia. A perícia técnica da Polícia Civil constatou 11 perfurações provocadas por arma de fogo no corpo do jovem. Após os trabalhos periciais, o corpo foi liberado aos familiares para o serviço funerário.

Via Itamarandiba Hoje

TAXISTA É MORTO A TIROS NA REGIÃO CENTRAL DE SALINAS

Vítima foi morta a tiros enquanto caminhava na calçada da Rua Barão do Rio Branco. Autoria do crime ainda é desconhecida.

Um taxista foi assassinado a tiros na manhã desta terça-feira, 19 de agosto, na região central de Salinas, no Norte de Minas Gerais. De acordo com informações da Polícia Militar, o autor ainda não identificado efetuou dois disparos contra Lucas Tadeu Miranda Ferreira, de 30 anos, filho do popular Zezão Taxista, próximo a uma agência bancária na Rua Barão do Rio Branco.
Foto: Jornal Folha Regional
A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local. A perícia técnica da Polícia Civil foi acionada e constatou que Lucas foi atingido no tórax e no braço esquerdo.

A autoria do crime ainda é desconhecida pela Polícia. Levantamentos são realizados com intuito de identificar e prender o autor.


Via Folha Regional 

COPA ARANÃS 2014 COMEÇA NO DIA 30 DE AGOSTO, COM 13 EQUIPES DA REGIÃO

Aranãs e Vila Nova farão o jogo de abertura no Estádio Municipal Newton Ribeiro. Competição será disputada por 13 equipes.

Já está tudo definido para o início da Copa Aranãs FM de Futebol 2014. Em reunião realizada neste sábado, 16 de agosto, no Plenário da Câmara Municipal de Capelinha, entre a organização da competição e representantes das equipes participantes, ficou acertado os detalhes para a realização do evento esportivo.

O jogo de abertura será uma reedição da grande final do ano passado, entre as equipes do Aranãs e Vila Nova, no dia 30 de agosto, no Estádio Municipal Newton Ribeiro. A competição será disputada por 13 equipes, dividas em quatro grupos.

Reunião na tarde deste sábado definiu os últimos detalhes.
Foto: Capelinha.net
A primeira fase será disputada de 30 de agosto a 28 de setembro, depois haverá pausa para as eleições.  A segunda fase será de 11 a  19 de outubro

A terceira fase será disputada de 25 de outubro a 02 de novembro.  As finais serão nos dias  9 e 11 de Novembro. Caso haja segundo turno das eleições a final será no dia 23 de novembro.  A novidade esse ano é a participação da seleção de São Gonçalo de Rio Preto.  O evento é realizado pela Rádio Aranãs FM e esse ano têm o apoio da Liga.

Um dos grupos é formado somente por equipes de Capelinha, que esse ano não conta com a participação do tradicional Capivari. A equipe desistiu de participar da copa por problemas internos. Outra novidade da edição 2014 é a participação da Seleção de São Gonçalo do Rio Preto.

A Copa Aranãs FM é o maior evento esportivo da região, envolvendo várias cidades e times dos Vales do Jequitinhonha, Rio Doce e Mucuri. Em 2013, a equipe campeã foi o tradicional Aranãs de Capelinha.

Em breve a organização da Copa divulgará a tabela completa da competição. 

Confira abaixo os grupos:

GRUPO A:
Aranãs (Capelinha)
Vila Nova (Capelinha)
Independente (Capelinha)
Cometa (Capelinha)

GRUPO B:
CFC (Carbonita)
Seleção de São Gonçalo do Rio Preto
Atalanta (Itamarandiba)

GRUPO C:
Atalanta (Malacacheta)
Seleção de Ladainha
Seleção de Novo Cruzeiro

GRUPO D:
Lorena (Aricanduva)
Seleção de Angelândia
Seleção de Minas Novas

Via Capelinha.net

sábado, 16 de agosto de 2014

HEMOMINAS REALIZARÁ COLETA DE SANGUE EM MINAS NOVAS, NOS DIAS 22 E 23 DE AGOSTO DE 2014

Fundação Hemominas realiza coleta de sangue nos dias 22 e 23 de agosto de 2014 (sexta-feira e sábado), no município de Minas Novas, no Alto Jequitinhonha, nordeste de Minas. 


A ação acontece das 13h às 18h na sexta-feira (22/08/2014) e de 08h às 14h no sábado (23/08/14) na UBS Eustáquio Fausto Fernandes, localizada na rua Delfim Moreira, n° 402, bairro Saudade.

Segundo a Portaria 1.353/2011 do Ministério da Saúde, podem doar sangue cidadãos com boa saúde, idade entre 18 e 67 anos. Os candidatos devem pesar acima de 50 quilos, não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas, não ter tido hepatite após os 11 anos de idade, e que não tenham doença de Chagas.  Jovens com 16 e 17 anos, somente poderão se candidatar à doação de sangue com a presença dos responsáveis legais ou autorização dos responsáveis com firma reconhecida em cartório, cujo modelo de autorização está disponível no site www.hemominas.mg.gov.br.

A idade máxima para a primeira doação de sangue é 60 anos. Os candidatos, que já tiverem doado pelo menos uma vez antes dos 60 anos, poderão doar até a idade de 67 anos.

Para mais informações sobre os critérios para doação de sangue acessar http://www.hemominas.mg.gov.br/hemominas/menu/cidadao/doacao/condicoes_doacao ou ligar para o 155.

Para os jovens, principalmente, o site www.projetonaveia.com.br promove interatividade e participação também na divulgação da doação. Acesse e conheça o Projeto na Veia.


Com informações da Hemominas

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL REVERTE CASSAÇÃO DE PREFEITA DE ALMENARA

A Corte Eleitoral mineira reverteu, na sessão desta quinta-feira (14), por cinco votos a um, a cassação da prefeita de Almenara (Vale do Jequitinhonha), Fabiany Ferraz Gil Figueiredo (PSDB), e de seu vice, Manfredo Pereira de Souza (PRP). Eles tinham sido cassados pela juíza eleitoral local por captação ilícita de sufrágio e abuso de poder político. Com a decisão do TRE-MG, eles não precisam deixar os cargos e nem pagar a multa arbitrada na decisão de primeira instância.

A ação de investigação judicial contra a prefeita Fabiany Ferraz Gil Figueiredo e o vice Manfredo Pereira de Souza foi proposta por Gercira Gomes Cardoso (PMDB) e Renato Ferraz (PMN), candidatos a prefeito e vice não eleitos do município. Eles alegaram que a prefeita e seu vice fizeram contratação irregular de servidores públicos, além de manter contratados de forma irregular na Prefeitura. Alegaram, ainda, que houve captação ilícita de sufrágio por Fabiany e Manfredo.
 
(Prefeita comemorou a vitória em uma rede social – Foto: Reprodução/Facebook)
Durante o julgamento no Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais, o relator do caso, juiz Wladimir Rodrigues Dias, votou por manter a cassação da prefeita e do vice. Na sessão do dia 7 de agosto, o desembargador Paulo Cézar Dias pediu vista para melhor análise do caso e, na sessão desta quinta-feira (14), votou pela reversão da cassação.

O desembargador Paulo Cézar Dias considerou inconsistentes as provas que demonstrariam que houve compra de votos por parte da prefeita e do vice. Ele entendeu, ainda, que as condutas indicadas como abuso de poder político não se configuram como tal. Para ele, “verifica-se que não ficou devidamente comprovado nos autos que o pleito majoritário nas eleições de 2012, no Município de Almenara, foi desequilibrado em prol das candidaturas dos recorrentes”. O voto do desembargador foi seguido pelos outros quatro integrantes da Corte, que decidiram por reverter a cassação da prefeita e do vice.

Fabiany Ferraz Gil Figueiredo foi reeleita em 2012 com 32,79% (6.793) dos votos válidos.

Prefeita comemora a vitória


Em uma rede social a prefeita comemorou a vitória no julgamento do processo no TRE. “Mais uma vez a oposição foi derrotada. A justiça foi feita mais uma vez. Agradeço a todos que torceram por mim e Dr. Manfredo. Desejo que os derrotados caiam na real e me deixem trabalhar em paz pelo nosso povo. Eleição se ganha nas urnas.”

Via Aconteceu no Vale

CISNORJE VAI ABRIR CONCURSO COM VAGAS PARA VÁRIAS CIDADES DA REGIÃO

O Consórcio Intermunicipal de Saúde da Rede de Urgência e Emergência do Nordeste e Jequitinhonha (Cisnorje) anunciou a abertura do Concurso Público regido pelo edital nº 001/2014, e destinado à nomeação de 41 profissionais, além da formação de cadastro reserva.


Por meio do concurso, serão selecionados, dentre outros profissionais, motorista socorrista, técnico em enfermagem e médico, para atuarem em Águas Formosas, Almenara, Araçuaí, Carlos Chagas, Capelinha, Diamantina, Itamarandiba, Itambacuri, Itaobim, Jacinto, Jequitinhonha, Joaima, Malacacheta, Minas Novas, Nanuque, Novo Cruzeiro, Padre Paraíso, Pedra Azul, Ponto dos Volantes, Serro, Teófilo Otoni e Turmalina. 

A remuneração varia de R$ 1.107,60 a R$ 5.826,60, conforme a função exercida e jornada desempenhada, que pode ser de 30h, 24h ou 40 horas semanais. Podem concorrer candidatos com formação de níveis médio, técnico ou superior, considerando as habilidades específicas exigidas na vaga pretendida. 

O período de inscrição segue de 11 de outubro de 2014 a 9 de novembro de 2014, pelo site www.msmconsultoria.com.br, com o recolhimento das taxas variáveis entre R$ 55,00 e R$ 155,00. Os inscritos serão submetidos às Provas Objetiva e de Títulos, além de Curso de Capacitação, conforme o método adotado por cada cargo. O resultado final será válido por dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

‘REI DA CACHAÇA” É PRESO ACUSADO DE CRIMES SEXUAIS. ELE ESTÁ PRESO EM PEDRA AZUL-MG

Adolescentes acusam o empresário de crimes sexuais. Ele está preso no Presídio de Pedra Azul.

Toni Rodrigues, o Rei da Cachaça
O empresário Antônio Eustáquio Rodrigues, de 64 anos, conhecido como o “Rei da Cachaça”, acusado de tentativa de homicídio e crimes sexuais, já está no Presídio de Pedra Azul de Pedra Azul, no Vale do Jequitinhonha. Ele foi preso durante a operação “Papai Noel” da Polícia Civil na tarde de terça-feira, 12 de agosto, em seu escritório, na cidade de Salinas, no Norte de Minas.

Na terça-feira, Rodrigues prestou depoimento por mais de duas horas na Delegacia de Salinas e depois foi encaminhado para a Delegacia Pública da cidade, onde passou a noite em Salinas, em uma cela comum, de 4 metros quadrados, com um sanitário e um colchão. O preso foi transferido na manhã de quarta-feira (14) para a cadeia pública de Pedra Azul.

Nesta quinta-feira (15), o delegado responsável pelas investigações, José Eduardo dos Santos, deverá apresentar detalhes da investigação. O Ministério Público e o Conselho Tutelar de Salinas ainda não se pronunciaram sobre as acusações de envolvimento do empresário com menores de idade.

Adolescentes dizem que sentem nojo e medo do empresário

Os jovens de 14 e 15 anos, que denunciaram o empresário ao Conselho Tutelar de Salinas revelam que tem nojo e medo dele. A adolescente, mais velha, conta que ela e o amigo da escola foram assediados por Antônio Rodrigues.

“Eu sinto medo dele. Eu sinto nojo dele. Quando ele passava na rua eu abaixava a cabeça para não olhar para ele”, afirma a garota.

(Adolescentes dizem ter nojo e medo do empresário – Foto: Record Minas/Reprodução)
O menino relata que os dois foram abordados quando faziam compras para a mãe da menor. “A mãe da minha amiga pediu para gente ir na rua fazer umas compras para ela. Foi quando ele parou e pediu para gente dar uma volta na fazenda que ele tinha. Aí que aconteceu, ele praticou ato sexual comigo e com ela.”

(Mãe do garoto diz que não desconfiava do autor – Foto: Record Minas/Reprodução)
Os dois são moradores de um bairro carente de Salinas. De acordo com a mãe do garoto, o “Rei da Cachaça” passou a presentear o filho dela, mas não levantou suspeitas. “Presenteava meu filho. Deu um celular novo para ele, na minha vista. Mas como estava dando para todo mundo, não dava para desconfiar.”

O delegado responsável pelo caso, José Eduardo dos Santos, acredita que mais vítimas podem denunciar o empresário. “Talvez com a prisão dele, novas vítimas se encorajem a denunciar algum fato relevante.”

Fonte: R7

terça-feira, 12 de agosto de 2014

POPULAÇÃO DE MEDINA FECHA BR-116 PARA RECLAMAR DA VIOLÊNCIA

Moradores da cidade de Medina, no médio Jequitinhonha fecharam hoje (08/08) a BR 116 para reclamar dos altos índices de violência que o município vem apresentando. O estopim da revolta foi o brutal assassinato de um senhor de 94 anos dentro da residência dele por volta da meia noite do dia. Tudo indica que o assassino tenha entrado na residência para roubá-lo. Segundo testemunhas, o idoso foi agredido com um pedaço de pau principalmente na região da cabeça, tendo espirrado sangue na parede do quarto onde a vítima se encontrava.
 
Populares fecham a BR-116. Foto: Blog Pedra Azul MG
Também aumentaram o número de roubos à mão armada a motocicletas na zona rural através de emboscadas. Furtos de motocicletas são comuns no município; estes geralmente acontecem quando os criminosos encontram o veículo estacionado em algum local com as chaves na ignição ou fazem ligação direta. Em algumas modalidades, os autores saem empurrando as motos das vítimas sem que estas vejam.

O número de roubos à mão armada em lojas, a pessoas que estão caminhando pelas ruas ou a entregadores de lanches também cresceu. Em sua maioria, os crimes são cometidos por menores, o que dificulta porque mesmo que a polícia os prenda, esses menores são liberados, pois só são presos em flagrante de crimes como homicídio.

Um policial que não quis se identificar disse que este é um problema do país inteiro. "A maioria dos crimes é cometida por menores que só podem ser presos em flagrante de grave crime contra a vida. Quando são presos por crimes como roubo ou porte ilegal de arma de fogo, os delegados são obrigados a soltá-los. A prisão deles depende de um mandado judicial e em qualquer caso, o sistema prisional tem de encontrar um local apropriado para internação de menores no prazo máximo de 5 dias ou o magistrado é obrigado a soltá-los. 

A prisão preventiva de menores, que é aquela que acontece antes do menor ser julgado, só pode durar 45 dias e a justiça demora em média 6 meses a um ano para julgar um caso destes. Após serem condenados, os menores ficam presos por no máximo 3 anos independente da crueldade com que o crime foi executado. Crimes que geram uma reclamação muito grande da sociedade como os furtos não resultam em prisão em flagrante. Então o que acontece é que o criminoso comete quantos furtos ele quiser e o máximo que vai lhe ocorrer é ser levado pela polícia militar até a delegacia e em seguida liberado para voltar a furtar. Outro problema são os viciados em drogas que encontram pouca oportunidade de recuperação pelo estado. Como geralmente são pobres, não tem como pagar uma clínica particular e quando procuram o poder público, o que é difícil, ainda enfrentam filas. Independente disso, a maioria não quer se tratar, o que demandaria uma internação compulsória do doente. Esses causam a maioria dos furtos. Hoje, quase não existem pessoas furtando para comer. Esses usuários chegam a furtar bicicletas e motos e trocar por uma ou duas pedras de crack avaliadas em R$ 10,00 cada uma."

Populares fecham a BR-116. Foto: Blog Pedra Azul MG
Uma estudante de Direito que também não quis se identificar alegou "o Estado diz que a solução não é prender, contudo ele não apresenta a outra solução e deixa a população sendo fustigada por criminosos. Já não temos segurança de deixar nossa casa sozinha porque somos roubados. Quando saímos nas ruas, somos assaltados e até quando estas pessoas chegam a ser presas pela polícia, elas voltam pra rua como se nada tivesse acontecido. Os benefícios de progressão de pena também são outro problema. Os presos já saem de lá cometendo outros crimes. Deveria haver uma forma mais justa de verificar quem realmente melhorou o seu comportamento."

Comerciantes afirmam que não se sentem mais seguros. Eles dizem que qualquer pessoa que aparente estar agindo de forma estranha próximo a seus estabelecimentos já é motivo de pânico.

Um servidor da área de segurança pública afirmou que a justiça chegou a um ponto de sobrepor os direitos dos criminosos ao das vítimas. Segundo ele, "uma vítima que é roubada sendo agredida e passando o medo de ter uma arma apontada pela sua cabeça geralmente não conseguem recuperar nem o bem que lhe foi roubado. Enquanto isso, qualquer denúncia de violação ao direito do preso já é motivo para inutilização de provas e relaxamento de prisão. Se tornou tão banal que as pessoas começaram a mentir dizendo que foram agredidas no momento da prisão só para desqualificar o serviço policial. E o mais triste disso é que advogados se prestam a essas falsas denúncias. Certa feita, uma mulher foi a promotoria para denunciar que os policiais tinham agredido os moradores da casa durante um cumprimento dum mandado de busca e apreensão. Imagine qual foi a surpresa da mulher denunciante quando foi informada de que o promotor estava presente na ação e que não havia presenciado nenhuma agressão."

HOMEM ESTUPRA A PRÓPRIA FILHA DE 12 ANOS EM MALACACHETA. ELE ESTÁ FORAGIDO

Homem foi flagrado pela mãe da criança. Autor fugiu e é procurado pela polícia.

Antônio Alves Pereira, de 40 anos, é procurado pela polícia por estuprar a própria filha, uma criança de 12 anos, que foi violentada sexualmente na tarde desta quinta-feira, 7 de agosto, em Malacacheta, no Vale do Mucuri. De acordo com informações da Polícia Militar, a mãe da garota procurou a corporação para denunciar o suspeito.

Autor de estupro é procurado pela Polícia – Foto: Divulgação/Polícia Civil
Ainda segundo a PM, a mãe relatou que chegou em casa por volta das 13 horas e 40 minutos e encontrou a filha sentada no colo do pai, com a calcinha tirada até os joelhos, sendo que o suspeito acariciava seus seios e vagina.

A mãe da vítima relatou que esta seria a terceira vez que o pai pratica esse tipo de ato com a filha. A criança foi levada ao Hospital Municipal de Malacacheta, onde foi atendida por um médico de plantão e encaminhada para o Instituto Médico Legal de Teófilo Otoni para demais procedimentos.
O suspeito fugiu de casa. Denúncias sobre a localização do autor poderão ser feitas através do número 190 ou 181. O anonimato do denunciante é garantido por lei.

Violência sexual comprovada

Por meio da assessoria de imprensa, o titular da Delegacia de Polícia Civil de Malacacheta, delegado Eduardo Gil, informou que o exame feito na menina comprovou que ela sofreu violência sexual. A adolescente foi encaminhada para acompanhamento psicológico, na manhã desta sexta-feira (8), e depois, ela e a mãe serão ouvidas. Como o casal tem uma outra filha menor de idade, esta também será ouvida, para que a polícia verifique se ela já foi vítima do pai.

O suspeito já esteve detido na Cadeia Pública de Malacacheta, por tentativa de homicídio, e é investigado por tráfico de drogas.

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

HOMEM MATA MULHER POR MOTIVO FÚTIL EM FRANCISCO BADARÓ-MG

Ela caminhava pela rua do bairro onde mora, quando foi atingida pelas costas por um tiro disparado por um homem de 24 anos.

Já está preso na cadeia pública de Capelinha, no Vale do Jequitinhonha, o lavrador Calisto Gonçalves de Souza, de 24 anos. Na tarde de terça-feira (5) ele matou com um tiro nas costas, a viúva e dona de casa, Maria Eliana Aparecida Silva, de 23 anos, em Francisco Badaró, também no Vale do Jequitinhonha.

De acordo com a Polícia Militar, Calisto Gonçalves estava caminhando pela rua onde mora, no bairro Esplanada, armado com uma espingarda calibre 36, quando avistou Maria Eliana, moradora na mesma rua. “De repente, sem nenhum motivo aparente, ele atirou na mulher, pelas costas. Ela chegou a ser socorrida no Centro de Saúde da cidade e posteriormente foi transferida para o hospital de Araçuaí devido a gravidade do ferimento, mas não resistiu e morreu”, disse o policial militar, Eduardo de Nazaré Silva.

O lavrador ainda atirou em outra mulher porque ela testemunhou o crime, mas ela conseguiu fugir. O tiro acertou uma das janelas da casa dela.
O lavrador foi preso horas depois por uma guarnição da Polícia Militar. Ele portava a espingarda usada para matar Maria Eliana. A arma estava municiada com um cartucho intacto.

O lavrador não falou porque matou a dona de casa. O crime causou forte comoção na pacata cidade de Francisco Badaró. Maria Eliana ficou viúva em janeiro deste ano, depois que o marido morreu em um acidente de moto. Ela deixa um filho de 3 anos.

Fonte: Gazeta de Araçuaí

DETRAN-MG REALIZARÁ LEILÃO DE 205 VEÍCULOS EM MINAS NOVAS-MG, NO DIA 19/08/2014

Leilão público ocorrerá no Ginásio Poliesportivo da cidade, no dia 19/08, a partir das 09:00 horas.

O Detran-MG realizará no próximo dia 19/08/2014 (terça-feira), a partir das 09:00 horas, leilão público de 205 veículos, entre carros e motocicletas.
 
Foto: Ilustrativa
O leilão ocorrerá no Ginásio Poliesportivo de Minas Novas-MG, situado na Av. Israel Pinheiro, 520, b. Domingos Mota. 

A visita aos pátios PARA INSPEÇÃO VISUAL dos veículos poderá ser feita pelos interessados no(s) dia(s) 14 a 18 de Agosto de 2014 , no horário de 08h00minh as 17h00min horas, em seus respectivos endereços, a saber:

A – MINAS ROBOQUE LTDA situado na RUA JACARANDA, nº. 10 - PATIO, no bairro BECA, no município de MINAS NOVAS-MG;

B – AILTON FERREIRA COELHO situado na RUA CONEGO BARREIRO, nº. 142 - PATIO, no bairro CENTRO, no município de MINAS NOVAS-MG

A lista completa dos veículos que irão ser leiloados pode ser consulta clicando aqui.

O edital completo do leilão pode ser consultado clicando aqui

segunda-feira, 4 de agosto de 2014

CONDIÇÕES DO VALE DO JEQUITINHONHA SERÃO DISCUTIDAS EM SEMINÁRIO EM ARAÇUAÍ

Os debates serão conduzidos pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF), pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerias (Emater), pelo Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) e pela Sociedade Mineira de Engenheiros Agrônomos (SMEA).


Durante o seminário, especialistas e técnicos vão abordar temas relativos ao desenvolvimento da região. Foto: Lori Figueiró

Com o intuito de debater sobre os desafios climáticos e econômicos enfrentados pelos municípios da região do Vale do Jequitinhonha, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Minas Gerais (Crea-Minas) realiza o Seminário Água e Terra – O futuro do Vale do Jequitinhonha, no dia 8 de agosto, em Araçuaí.

As palestras e painéis de discussão serão gratuitos e abertos ao público.

Segundo a inspetora-chefe do Crea-Minas na cidade, a engenheira civil Maria Lúcia Ferreira de Souza, a iniciativa foi motivada pela necessidade de discussão em torno dos problemas estruturais e da falta de planejamento verificado na região. “A realidade de hoje são cidades carentes que convivem com os problemas crônicos do Vale, como a falta de água e o solo infértil”, avalia Maria Lúcia.

Segundo ela, um dos objetivos do seminário é propor alternativas de desenvolvimento viáveis e compatíveis com as condições locais como o investimento no plantio de culturas que se adaptem ao clima e solo da região. “Hoje não temos uma produção agrícola forte. As pessoas, praticamente, produzem para sobreviver”, comenta.

Durante o seminário, especialistas e técnicos vão abordar temas relativos ao desenvolvimento da região. 

Um dos idealizadores do evento, o presidente do Crea-Minas, o engenheiro civil Jobson Andrade, fará a abertura do evento às 9h. 

O primeiro painel terá como tema “Água e terra: Cenário atual e perspectivas” e o segundo será apresentado com o assunto “Condições para o desenvolvimento econômico do Vale”.

Os debates serão conduzidos pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF), pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerias (Emater), pelo Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) e pela Sociedade Mineira de Engenheiros Agrônomos (SMEA).

Ao longo do evento, será feito um levantamento de propostas entre o público para elaboração da Carta para o Desenvolvimento do Vale do Jequitinhonha, que será apresentado à população no mesmo dia e encaminhada, posteriormente, às diferentes esferas de governo, além dos órgãos competentes.
No fechamento do evento, em uma iniciativa junto ao Crea Cultural, os presentes poderão conferir a apresentação musical “A Cultura do Vale”, com Dori Mendes e Luciano Tanure.

Serviço:

Data: 08/08/14
Horário: 8h30 às 18h
Local: Centro Cultural Luz da Lua – Rua D. Serafim, 426, Centro – Araçuaí – MG.

Fonte: CREA/MG


MINAS NOVAS: MÚSICO E PROFESSOR ARNÔ MACIEL COMEMORA 76 ANOS E RECEBE HOMENAGEM

Na manhã do dia 30 de julho de 2014, quarta – feira, aconteceu no tradicional Solar da Tia Auta, um café da manhã em comemoração ao aniversário de um dos maiores artistas do Vale do Jequitinhonha, “Arnô Minas Novas”.

Rodeado de grandes amigos, Arnô recebeu varias homenagens e todos se encantaram com o belíssimo show do músico Heraldo Wilton de Sousa.
Solar Tia Auta - Foto: Eduardo Borges

Nascido aos 30/07/38, Arnaldo de Castro Maciel, filho de Auta Gonçalves de Castro e João Ferreira de Castro, lecionou durante muitos anos nos principais educandários de Minas Novas e Belo Horizonte, além de ministrar aulas de música nas cidades de Minas Novas, Berilo e Chapada do Norte.
Foto: Eduardo Borges
Nas décadas de 70 e 80, participou dos principais movimentos culturais do Vale do Jequitinhonha e do Estado de Minas Gerais, vencendo inclusive O Melhor dos Festivais de Minas e outros Festivais, dentre eles o FESTIVALE – FESTIVAL DA CULTURA POPULAR DO VALE DO JEQUITINHONHA. 

Encantou Minas Novas durante vários anos com o Tradicional “SHOW DA JANELA”, criado especialmente para Arnô, pelo seu amigo Adão Domingos, por ocasião da Semana Santa.
Foto: Eduardo Borges

Gravou CD’S e continua engradecendo a nossa música e cultura com seu talento e simpatia, principalmente nas grandes parcerias musicais com seu talentoso irmão Arlindo Maciel, destacando as composições: Pintura, Canto da Mãe da Lua, dentre outras.

A Secretaria de Cultura, Turismo e Comunicação da Prefeitura Municipal de Minas Novas, presta esta singela homenagem a Arnô, agradecendo e expressando eterna gratidão pela sua valiosa contribuição a cultura Brasileira.
Fonte: Secretaria de Cultura, Turismo e Comunicação da Prefeitura Municipal de Minas Novas.
Administração 2013 / 2016 UNIÃO TRABALHO E HUMILDADE.
Fotos: Eduardo Borges

terça-feira, 29 de julho de 2014

CIDADES DO VALE DO JEQUITINHONHA DECRETAM SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA

Falta de chuvas têm afetado principalmente cidades do norte e vale do Jequitinhonha e Mucuri.

Por causa da seca e estiagem, 134 municípios decretaram situação de emergência em Minas Gerais desde o início do ano. As últimas cidades a entrar para a lista foram Francisco Badaró, no Vale do Jequitinhonha, Ibiracatu e Montalvânia, no norte do Estado. 

Seca afeta principalmente municípios 
do semiárido mineiro Record/Reprodução

Segundo o meteorologista do Centro de Climatologia Templo Clima, Dayan Diniz de Carvalho, a seca é comum nesta época do ano, mas em algumas regiões pode ter sido agravada pela baixa precipitação registrada no último período chuvoso.   

— Desde o início do anos, as chuvas ficaram 75% abaixo do esperado e isso contribui para que o solo fique mais seco, haja menos evaporação e, consequentemente, o ar também fique mais seco.  

Ainda segundo o especialista, a situação é mais preocupante nas região norte, e nos vales do Jequitinhonha e Mucuri. Entretanto, ele afirma que alguns municípios do Triângulo Mineiro e da região oeste de Minas Gerais também têm sofrido com a baixa umidade nos últimos dois meses e destaca ainda que as previsões para os próximos meses podem agravar a situação de seca em Minas. 

— No final de agosto e início de setembro, há algumas previsões de chuva, mas não é nada que mude significativamente a situação das pessoas que vivem nas regiões afetadas pela seca.  

Já o período chuvoso, que terá início em outubro, pode ser novamente atípico.  

— Se fizermos um prognóstico do clima, ou seja, uma previsão mais estendida veremos que há uma tendência de desenvolvimento de 'El Niño' este ano e, se isso vier a se verificar realmente, nós teremos chuvas abaixo da média também no período chuvoso.  
No ano passado, Minas registrou 147 municípios em situação de emergência por causa da seca e, em 2012, o número total foi de 125. As informações são da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil. 

Por Thaís Mota, do R7 

sábado, 26 de julho de 2014

POLÍCIA PRENDE AUTORES DE CRIME BÁRBARO EM JORDÂNIA, NO VALE DO JEQUITINHONHA

Dois suspeitos de assassinar a jovem Dara Gomes Lima, de 18 anos, foram presos na manhã desta sexta-feira, 25 de julho, em Jordânia, no Vale do Jequitinhonha. O trabalho investigativo realizado pela Polícia Civil em parceria com a Polícia Militar resultou na prisão de Renato Santos Souza, vulgo “Renatinho”, e João Lenon Ferraz dos Santos, vulgo “Vein”. Um dos elementos foi detido na comunidade do Jacarandá e o outro foi preso enquanto passeava tranquilamente pelas ruas de Jordânia.
 
O corpo de Dara Gomes Lima foi encontrado enterrado em uma fazenda na
zona rural do município
Renato confessou ter praticado o crime juntamente com João Lenon, porém, o autor João Lenon alega que ajudou somente a carregar o corpo e ocultar na fazenda “Garotinha”, onde foi encontrado na última segunda-feira (21).

População da cidade aglomerou em frente ao quartel da PM no momento que os
suspeitos chegavam ao local Foto: Portal Jordânia
O crime chocou a cidade e provocou uma grande mobilização para cobrança de justiça quanto a morte da jovem. Na manhã de hoje, no momento em que os dois autores eram apresentados no quartel da PM, centenas de pessoas aglomeraram no local.

Relembre o caso

O corpo de uma estudante de 18 anos foi encontrado no início da tarde desta segunda-feira, 21 de julho, em Jordânia, no Vale do Jequitinhonha. De acordo com a Polícia Militar, a mãe da jovem procurou a Polícia Militar no final da manhã de hoje para relatar o desaparecimento da filha Dara Gomes Lima, que teria saído de casa no último sábado (19) e não retornou.

(Corpo foi encontrado em um matagal na zona rural de Jordânia – Foto: Portal Jordânia)
A mãe da vítima foi orientada a colocar um anúncio na rádio local comunicando o desaparecimento, mas antes do registro da ocorrência, a Polícia Militar foi procurada por um vaqueiro, que relatou ter visto vários urubus no interior de um matagal na Fazenda “Garotinha”. Ainda segundo a PM, o homem informou que foi verificar o que tinha no local e deparou com um corpo enterrado em cova rasa com a cabeça pelo lado de fora, já em estado inicial de decomposição.

Diante da informação, policiais militares foram deslocados até o local, onde constataram a veracidade do fato. O local foi isolado e preservado, e de imediato foi acionada a perícia técnica da Polícia Civil. O perito que compareceu ao local constatou que o corpo da vítima possuía várias perfurações nas costas, no peito, no ombro e o pescoço estava quase decepado. Foi verificado também um corte profundo na mão direita e parte do cabelo do couro cabeludo já havia caído. Após os procedimentos de praxe da perícia, o corpo foi removido do local e encaminhado para o Instituto Médico Legal.

A Polícia Militar ainda não tem informações concretas sobre o autor ou autores do crime, mas a suspeita é que o motivo seja passional, já que testemunhas relataram que a vítima teria se envolvido com um homem casado.

Fonte: Portal Jordânia

Blogger Themes

2leep.com

 
Powered by Blogger